08.02.2017 • Decoração

Quais plantas são ideais para ambientes internos?

Quer tornar a sua futura casa um cantinho superagradável para receber os amigos? Na hora de projetar a decoração, além de escolher bem os móveis, os eletrônicos e os objetos que mais combinem com os moradores, é importante apostar em algumas das diversas espécies da natureza para compor os ambientes e torná-los mais receptivos.

Existem várias plantas para ambientes internos que vão levar aconchego ao seu lar. Distribuí-las por toda a casa é, inclusive, uma atitude de feng shui considerada positiva para harmonizar e atrair boas energias para os moradores e para as visitas.

Mas, se você não entende muito do assunto, não se preocupe: para facilitar a sua vida nós reunimos, neste post, 10 espécies lindas de plantas, com e sem flores, que podem ser adotadas na decoração, além dos cuidados que você deve ter com cada uma. Confira!

Plantas com flores

1. Bromélia

As bromélias são plantas epífitas, que se apoiam em outros vegetais em busca de luz. Existem várias espécies e elas se adaptam muito bem tanto a áreas internas quanto externas. Por suas cores e formatos, são bastante decorativas e tornam as residências mais alegres. Elas não podem receber sol diretamente e devem ser regadas a cada dois dias.

2. Orquídea

Das plantas para ambientes internos, uma das mais conhecidas é a orquídea. Ela floresce uma ou duas vezes ao ano. Posicione-a em local protegido do sol, com um pouco de luminosidade. Em clima de temperatura moderada, a rega pode ser semanal.

3. Begônia

A begônia pode proporcionar lindos buquês de flores naturais e deixar a decoração cheia de charme. Símbolo da fertilidade, ela deve ficar em local protegido do vento, do sol e do frio. A rega pode ser feita de 4 em 4 dias e não molhar as folhas e flores é uma dica para mantê-la bonita por mais tempo.

Espécies sem flores

4. Suculenta

As suculentas são supercharmosas e dão um toque especial quando dispostas em um móvel da sala, em vários vasos pequenos diferentes. São fáceis de cuidar e indicam quando precisam de água (quando as folhas ficam murchas). Precisam receber pelo menos 4 horas de luz solar por dia.

5. Lança-de-São-Jorge

Planta bastante estética e versátil, se adapta bem em diferentes ambientes, com sol direto ou luz difusa. Precisa de pouca água e permite ser trançada.

6. Chifre-de-Veado

Extremamente belo, o chifre-de-veado — que é uma espécie de samambaia — é uma planta-chave na decoração de ambientes. O ideal é posicioná-lo no xaxim, em uma parede que receba claridade. Necessita de pouca água.

7. Iuca-Elefante

Também chamada de Yuca, é uma planta ornamental que desperta atenção das visitas. Em áreas externas pode chegar a 8 metros, mas também se adapta a vasos, ficando com tamanho menor. Deve ficar em local bem arejado e com boa iluminação. Evite o excesso de água.

8. Cactos

Fáceis de cuidar, os cactos adoram sol e não gostam de água, por isso são ideais para quem não tem muito tempo para cuidar de plantas. Mas, atenção: os mini-cactos, que são bastante decorativos, não devem receber luz solar direta.

9. Rafis

A palmeira rafis cresce em ambientes de pouca luminosidade. Com caules parecidos com bambu, a espécie é ótima para compor pequenos jardins internos orientais.

10. Clorofito

Nativo da África do Sul, o Clorofito suporta bem ambientes com ar-condicionado e pode ficar sem receber luz durante longos períodos.

Agora que você já conhece algumas opções, defina as que mais combinam com o perfil da casa, escolha um belo vaso para abrigar as plantas para ambientes internos e, assim, a decoração ficará perfeita, aumentando o clima de bem-estar.

E você, tem o hábito de usar plantas na decoração da sua casa? Gostou de alguma planta específica da nossa lista? Conhece outras plantas para ambientes internos? Deixe um comentário contando as suas espécies preferidas!

Deixe seu comentário!