14.03.2018 • Decoração

Quer conservar seus móveis de madeira? Então veja 4 dicas

“Como conservar móvel de madeira e aumentar a durabilidade da mobília do lar?” — eis a dúvida de muita gente! Afinal de contas, esse material é o queridinho em projetos de arquitetos e designers de interiores quando se trata de decorar os mais diferentes cômodos em apartamentos e casas com estilo e bom gosto.

E isso não é à toa já que, além de um visual que mescla o rústico e o sofisticado, a madeira pode ser personalizada com diferentes acabamentos e, de quebra, ainda ajuda a deixar os ambientes mais acolhedores.

Pensando nisso, reunimos 4 dicas simples e fáceis de seguir para você garantir uma melhor conservação dos móveis e evitar problemas que afetem não apenas o lado estético deles, mas também a estrutura e a funcionalidade dessas peças. Confira!

1. Fique atento à umidade

A primeira dica pode até parecer óbvia, mas deve sempre ser seguida à risca para evitar gastos com conserto ou, pior, perdas futuras. Trata-se de ficar atento para não deixar alimentos, bebidas e produtos sobre a superfície dos móveis, especialmente quando podem molhá-la. Lembre-se que umidade e madeira não combinam. Nunca.

Caso isso ocorra seja por um descuido, seja por força do hábito, saiba que ela pode inchar — ficando com o aspecto deformado — e se tornar alvo fácil de parasitas, como fungos (responsáveis por manchas de bolor) e cupins.

A regra também é válida para a hora da limpeza. Portanto, nada de usar panos molhados. Ao contrário, prefira panos de microfibra levemente úmidos e espanadores para remover poeira e outras impurezas.

2. Evite expor os móveis ao sol

Evite deixar o mobiliário em constante exposição à radiação solar, pois isso pode provocar alterações na tonalidade dele deixando-a, inclusive, amarelada ou esbranquiçada.

“Então não posso usar cadeiras, mesas, banquetas e afins feito com esse material em áreas ao livre?”, você deve estar se perguntando — e com razão. Por isso, saiba que para as áreas parcialmente cobertas, como as varandas, está liberado, sim. Desde, é claro, que sejam de madeira maciça, certo?

Contudo, para locais totalmente descobertos, como decks e jardins, o aconselhável é adotar outras opções que são mais resistentes, como peças fabricadas com ferro, alumínio, fibra sintética e aço inox.

3. Distribua o peso uniformemente sobre o mobiliário

Outra dica importante sobre como conservar móvel de madeira — e que muita gente acaba ignorando — é distribuir os itens decorativos de forma uniforme sobre o mobiliário. Afinal, é comum decorar os ambientes com diferentes objetos, como centros de mesa, estátuas, vasoscandelabros, em aparadores, mesas, balcões e por aí vai.

Porém, quando eles são pesados e agrupados em um mesmo espaço, com o tempo, podem empenar a madeira deformando o material e, em casos mais graves, ocasionar rachaduras nela. Para evitar isso, é fundamental que você distribua o peso de forma igualitária em cada canto da superfície da mobília.

4. Encere a mobília

Fora as dicas citadas, não deixe de encerar os seus móveis. O motivo disso? Simples: com o passar dos meses (ou anos), a cor natural deles começa a perder o brilho e a se tornar mais opaca — o que resulta em um aspecto envelhecido e desgastado.

Contudo, ao aplicar cera de abelha ou de carnaúba neles, preferencialmente uma vez a cada seis meses, você consegue retardar esse efeito. Para completar, o uso desse produto ainda cobre pequenos furos, disfarça riscos e é capaz de dar um efeito acetinado ao revestimento — tornando o toque mais macio.

Viu só como não é nenhum bicho de sete cabeças conservar móvel de madeira? Basta seguir nossas dicas e a mobília do seu lar permanecerá sempre em perfeito estado! Entretanto, lembre-se: sempre escolha versões de qualidade desse material para contar com um melhor custo-benefício, como é o caso da maciça e a de demolição!

E se você tem outras sugestões para compartilhar sobre o assunto, deixe-as nos comentários!

Deixe seu comentário!